quinta-feira, 28 de junho de 2012

Desapontado consigo mesmo!


Conhecemos o interior de alguém quando o lugar da felicidade se torna o lugar da aflição.  Foi só José morrer para que esquecessem a sua grandeza. Por isso, devemos fazer o melhor agora.

Existe alguma coisa na alma que nos leva a desvalorizar a nós mesmos cada vez que fazemos alguma coisa errada. Talvez seja porque nossos pais esperam muito de nós, ou os professores que não elogiam o que fazemos de certo e criticam tudo o que fazemos de errado. Ou talvez porque, até certo ponto, seja bem a gente se sentir dessa maneira. Nos leva a ser sensíveis ao erro, e nos leva ao arrependimento e maturidade. Mas também nos leva a expectativas irreais, a colocar alvos altos demais para alcançar e exigir uma perfeição que nunca teremos nessa vida.

A igreja, muitas vezes, constrói níveis altos demais. Diz o tempo todo que temos que ter padrões morais elevados e nos esforçar para atingir os padrões de santidade para chegar ao céu. Parece que alguns estão sempre nos dizendo, seja com palavras ou olhares, "você pode ser e fazer melhor". 
Mas essas palavras deveriam ser uma mensagem de encorajamento, nunca de cobrança ou condenação. Deveriam ser um elogio a nossa capacidade de crescer, não uma crítica a nossa tendência de cometer erros.

Há muita gente no mundo desapontado consigo mesmo. Diz para si mesmo que é um pecador e que não merece ser amado. Confessa os erros o tempo todo, mas o perdão nunca o cura da aflição que continua sentindo.

O infeliz vive debaixo de um jugo, debaixo de culpa, acha que a vida não tem sido justa com ele. Ou sente que na sua estrada, alguém - parente, professor, patrão ou líder - fez alguma coisa ou lhe ensinou que ele não é bom o bastante e ele acreditou.

Grande parte da infelicidade vem desse erro - preciso ser perfeito para ser amado.
Logo, para não deixar de ser amado as pessoas escondem seus defeitos, falseiam vida, se tornam hipócritas, mentem, e enganam.

A cura está em compreender que sou amado como sou, não preciso esconder meus pecados de Deus, tenho que confessá-los. Não preciso mentir por medo do castigo, ao falar a verdade, ele me aceita tal qual sou e me ama ainda mais.



Pr. Silmar Coelho

O Pr. Silmar Coelho é casado com Janice Coelho e é pai de Tiago, Filipe, Lucas e Cristine. Doutor em liderança pela Universidade Oral Roberts, Tulsa/ USA. Escreveu vários Best-Sellers. É escritor premiado, músico, compositor e pastor há mais de 39 anos.

www.silmarcoelho.com.br
Twitter: @silmarcoelho
Facebook: pastorsilmar



Você pode adquirir este e outros produtos pelo site:  www.lojaasas.com
Na crise, grandes empresas fecham as portas. Os céticos se entregam a desesperança. Os tolos procuram culpados. Os derrotistas desistem. Os saudosistas comentam do áureo passado que ficou para trás. Porém, há quem não se entrega; busca saída, e mostra o valor da persistência.

terça-feira, 26 de junho de 2012

Qual é a sua marca?


“E viram-no de longe e, antes que chegasse a eles, conspiraram contra ele para o matarem.
E disseram um ao outro: Eis lá vem o sonhador-mor!
Gênesis 37:18-19

Qual é a tua marca? Como você é conhecido? Temos uma marca que mostra quem somos pela nossa maneira de agir, pelo nosso caráter, pelas nossas reações...

Somos responsáveis pela nossa marca. Quando digo  marca, não me refiro a um apelido, mas ao que define você.

O que define você? O que expressa a sua natureza, o seu caráter?
Durante a vida podemos mudar a nossa marca e como isso é importante entendermos. A marca é tão forte que algumas marcas suplantam o produto. Exemplo: Coca-Cola, Gillete, Xerox.

Ainda que o diabo não queira, você tem a marca da vitória, da bênção, da unção! Infelizmente às vezes assumimos a marca que os outros nos colocam.

Existe o que as pessoas falam sobre nós, o que falamos sobre nós mesmos e o que Deus fala sobre nós. Precisamos viver de acordo com o que Deus fala ao nosso respeito.  Pode-se levantar o inferno, o que for contra a sua vida, operando Deus quem impedirá?

Infelizmente muitas pessoas carregam marcas negativas, mas no percurso da vida essas pessoas podem mudar a marca em suas vidas.

Marcas Negativas que algumas pessoas têm:

-  O Azarado
A pior coisa do mundo é a pessoa ter a marca de azarado. Tudo que põe a mão dá errado.

-  O Inconstante
A pessoa inicia a faculdade não termina, inicia curso não termina, inicia regime e não termina. A pessoa por natureza é inconstante.

-  O Tranbiqueiro
A pessoa dá cheque sem fundo, é mentirosa...

- O Pessimista
A pior coisa do mundo é conviver com um pessimista. “Não dá, abre olho, não casa não que tá cheio de gente separando...”

- O Bruto, ignorante, estúpido

- O Criador de Caso
A pessoa é briguenta, problemática. Vive pra baixo, só reclama e critica.

- O Vingador
Existem pessoas que não perdoam por nada.

- O boca suja
Há pessoas que de dez palavras que fala, onze são palavrões.

O azarado pode mudar essa marca e tornar-se sortudo. O inconstante pode mudar sua história e ser conhecido por aquela pessoa que termina o que começa. O tranbiqueiro pode tornar-se uma pessoa de caráter, respeitada e assim sucessivamente.

Estamos aqui hoje porque pioneiros tiveram marcas de fé, de caráter, de unção.

Quero citar aqui algumas marcas do cristão:

- A marca da prosperidade“Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará.
Salmos 1:3

Os irmãos de José disseram: “Lá vem...” Vão dizer para você: “Lá vem o abençoado, o próspero, o vencedor.”

- A marca da fidelidade
Aquele que tem a marca da fidelidade ainda que venham lutas, adversidades, tempestades, permanece fiel. Foi assim com Jó – ele perdeu tudo dinheiro, perdeu filhos, perdeu a saúde, mas disse: “Deus deu, Deus tirou, bendito seja o nome do Senhor!”
Jó não sabia que estava sendo travada uma batalha espiritual em prol da vida dele, mas ele permaneceu fiel!

- A marca da Vitória
O segredo de Davi foi a marca – Davi não era forte, não era grande, não era guerreiro – os irmãos dele eram homens de guerra, a diferença na vida de  Davi foi a marca.

Saul perguntou a Davi: “Como você vai enfrentar Golias?” Davi respondeu: “Já matei um urso, um leão, e vou matar Golias, porque tenho a marca da vitória.”

Quando Golias se levantou os irmãos de Davi e o exército começaram a recuar e Davi se adiantou e foi em direção ao gigante.

Se eu fosse amigo de Golias diria: “Você está perdido!” Porque o gigante não era Golias, era Davi.  Surpreenda quem subestima você! Declare que a vitória é sua em nome de Jesus!

Temos a marca da vitória porque temos Jesus Cristo em nós. “Graças a Deus que nos dá a vitória por meio de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo!”

Quem sabe você não pôde falar isso ainda, porque não aceitou a Cristo no seu coração? Aceite a Jesus, receba-O como seu Senhor e Salvador!

Pr. Jabes Alencar
Edição: Renata G. Santana

Você foi chamado para impactar a sua geração!


Gn 22.6-8

Como líderes temos uma grande responsabilidade porque existem pessoas se espelhando em nós.
O que Isaque herdou do pai? O que ele aprendeu com Abraão? E o que temos passados para os nossos filhos?

Enquanto alguns pioneiros do evangelho estão se preparando para atravessar os portais da eternos, Deus tem levado muitos jovens para levar a Mensagem do Evangelho com intrepidez e ousadia!

Às vezes estamos na contra mão da história.  Autoridades estão falando que não têm mais jeito tendo em vista o que temos vivido na esfera politica, social, econômica, mas como mensageiros de Deus, temos uma palavra de encorajamento, de fé, de esperança, porque cremos num Deus poderoso.

A diferença de idade entre Abraão e Isaque até então era de 100 anos. Isaque tinha 14 anos e Abraão 100. A essa altura Isaque já tinha sido impactado pelo Senhor através da influência do seu pai.

Abraão ofereceria  o sacrifício segundo a direção do Senhor  e Isaque foi com ele sem ficar interpelando o pai, em toda narrativa bíblica vemos que eles seguiam o percurso juntos.  O sacrifício era Isaque, e  Abraão cria que mesmo seu filho morresse, Deus podia ressuscitá-lo e quando ele terminou de fazer o altar, Isaque perguntou pelo cordeiro. Abraão respondeu: “O cordeiro é você!”

Se Isaque quisesse correr, ele correria, mas  ele aceitou, ele se ofereceu – “É pra Deus, eu mesmo subo!”
No tempo que a igreja corre o perigo de cometer desvios, patologias aparecem. Pessoas ministrando por dinheiro, negociando ministérios. Antigamente a pessoa perguntava:  “Quantas almas vamos ganhar?” E hoje é: “Quanto dinheiro vou ganhar!”

Isaque tinha algumas características:

Compromisso com Deus
Abraão conseguiu fazer com que Isaque tivesse compromisso com o projeto. Ele representa a geração nova que está chegando.

- A mesma visão
A palavra divisão significa duas visões. Divisão são duas visões e o diabo é especialista em colocar divisão.  Ele seguia a mesma visão, a mesma direção do pai.

- Se submete a autoridade
Pra estar comprometido com o projeto temos que estar submissos a autoridade. O grande problema da geração pós-moderna é que estamos vivendo uma crise de autoridade. Às vezes dentro da igreja acontece isso, pastor auxiliar querendo desafiar o pastor presidente.

- Se  sacrifica pelo projeto
Quando fazemos a obra de Deus por amor a Ele, nos sacrificamos. Muitas vezes não fazemos o que gostamos, mas temos que gostar do que estamos fazendo.  Lembre-se: Não há uma pessoa que dê um copo de água na casa de Deus que não mereça um galardão.

- Se contagia pela visão da unidade
Pai e filho estavam sempre juntos, eram 100 anos de diferença, mas eles estavam sempre juntos. “... e seguiam ambos juntos.” Vs 8.

Não estamos aqui para competir, mas para nos completar.  O que nos une é muito maior do que o nos separa.  E que todo o espírito de Herodes saia do nosso meio.

Para estar unido não temos que ser igual a outra pessoa. Temos que aceitar, respeitar, valorizar a outra pessoa e juntos irmos ao altar do Senhor.  O segredo não  é o meu irmão, mas Jesus que está entre nós. Ele é o centro!

Isaque agora tinha experiência pessoal para contar. Ele seria o cordeiro, mas Jeová proveu o cordeiro em seu  lugar! Em qualquer momento do seu ministério jamais se esqueça: Deus proverá!

Pr. Jabes de Alencar
Edição: Renata G. Santana

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Brigas entre colegas na empresa...


Conflitos são inevitáveis quando duas pessoas tentam conviver. Mas, há uma questão fundamental: você deseja vencer mostrando que está com a razão ou quer chegar, de maneira respeitosa e solidária, a uma solução? Quando um dos dois quer vencer na discussão a qualquer preço, nenhum dos dois ganha e o ambiente de trabalho fica comprometido.


Listei duas técnicas para resolução de conflitos:

1. Qual é o objetivo maior? A maioria das pessoas envolve-se em brigas com a mesma convicção: 'Eu estou certo, você está errado; eu sou bom, você é mau’. Quando um lado vence, a primeira reação do perdedor é 'quero uma revanche'. O objetivo não é a de derrotar o colega, mas de resolver o problema que afasta os dois. Quando nos concentramos no problema e não na pessoa com o problema, um clima de cooperação e não de competição é fortalecido.


2. Qual é o motivo da briga? Defina qual é a crise e o que precisa ser feito para melhorá-la!  Por incrível que pareça a grande maioria das pessoas brigam por coisas diferentes.  Um pode estar furioso com a atitude do colega na reunião pela manhã. Outro pode estar fora de controle por algo que foi dito há semanas. A maioria dos conflitos não se resolve, porque ambos não sabem do que se trata.


Lembre-se... Brigas entre empresas produzem melhores produtos. Mas a briga entre pessoas trás o que há de pior nelas.


Prof. Menegatti é palestrante nas áreas de Vendas, Motivação, Liderança e Inovação. Autor de vários livros e DVDs, entre eles estão o livro "Talento - É fazer coisas comuns de forma extraordinária" e o DVD "Campeão de Vendas". 


Contatos: www.menegatti.srv.br - palestrante@menegatti.srv.br
Fone: (41) 3342.9562 //  9942.5150
Sisga-nos: Twitter - @profmenegatti  --  Facebook = professormenegatti


Leia: "Desperte seu Potencial Emocional"
Na busca da realização dos sonhos, homens e mulheres serão avaliados diariamente pelo seu potencial de reverter o aparente quadro de fracasso em vitória, até conseguirem mudar a história da sua vida, da sua empresa, de uma nação. O que você está esperando para despertar seu potencial emocional?

Este e outros produtos você adquiri pelo site: www.menegatti.srv.br

domingo, 24 de junho de 2012

Levante-se e ande!

"E Pedro e João subiam juntos ao templo à hora da oração, a nona.
E era trazido um homem que desde o ventre de sua mãe era coxo, o qual todos os dias punham à porta do templo, chamada Formosa, para pedir esmola aos que entravam.
O qual, vendo a Pedro e a João que iam entrando no templo, pediu que lhe dessem uma esmola.
E Pedro, com João, fitando os olhos nele, disse: Olha para nós.
E olhou para eles, esperando receber deles alguma coisa.
E disse Pedro: Não tenho prata nem ouro; mas o que tenho isso te dou. Em nome de Jesus Cristo, o Nazareno, levanta-te e anda.
E, tomando-o pela mão direita, o levantou, e logo os seus pés e artelhos se firmaram.
E, saltando ele, pôs-se em pé, e andou, e entrou com eles no templo, andando, e saltando, e louvando a Deus.
E todo o povo o viu andar e louvar a Deus;
E conheciam-no, pois era ele o que se assentava a pedir esmola à porta Formosa do templo; e ficaram cheios de pasmo e assombro, pelo que lhe acontecera.
Atos 3:1-10
Era um momento muito especial. A igreja primitiva se reunia para orar às 15h, horário de sol quente e o povo se reunia para orar ao Senhor.
Naquela época as pessoas chegavam na igreja e depois é que chegavam os apóstolos, porque eles não tinham condições de colocar as mãos na cabeça de todos, mas o povo tinha tanta fé que por onde os apóstolos passavam a sombra deles curavam as pessoas.
A unção de Deus está sobre nós e por onde passarmos a unção de Deus irá conosco.  A Bíblia diz que o homem paralítico esperava receber qualquer coisa, ele estava esmolando na porta do templo, mas Deus não é Deus de qualquer coisa ele é Deus de excelência e Ele não chega atrasado, Ele chega no tempo certo.
Deus não tem qualquer coisa pra você, o que Ele tem pra você é coisa grande!
Pedro e João pararam para ouvir aquele homem! Seja em nome de Jesus instrumento do Senhor para ver a necessidade daquele que clama. Somos referência de vitórias, milagres, unção de Deus e por onde passarmos, coisas tremendas acontecerão através da nossa vida para honra e glória do nome do Senhor Jesus!
Pedro e João disseram para aquele homem: “Não temos prata, nem ouro, mas o que temos isso te damos, em nome de Jesus Cristo de Nazaré levanta-te e anda.”  Quem sabe você também não tem ouro, não tem prata, mas tem algo maior – a unção de Deus, a graça do Senhor Jesus?!  Compartilhe a unção de Deus na sua vida sobre o próximo.
Se você está prostrado, angustiado – levante-se desse monturo, porque o tempo da migalha acabou!
Esse texto diz que os apóstolos olharam bem para aquele homem e liberaram uma palavra de vitória para ele e tomando-o pela mão, o levantaram.
Tome pela mão aquele que não está mais ‘andando’! Libere uma palavra de vitória àquele que não tem mais esperança, àquele que está desacreditado, àquele que não tem mais fé! O Senhor quer usar a sua vida para levar boas novas aos cativos e oprimidos.
Pra. Enóide Mello
Edição: Renata G. Santana

Não olhe para a sua circunstância e faça tudo certo!

“No tempo de Herodes, rei da Judéia, havia um sacerdote chamado Zacarias, que pertencia ao grupo sacerdotal de Abias; Isabel, sua mulher, também era descendente de Arão.

Ambos eram justos aos olhos de Deus, obedecendo de modo irrepreensível a todos os mandamentos e preceitos do Senhor.
Mas eles não tinham filhos, porque Isabel era estéril; e ambos eram de idade avançada.

Certa vez, estando de serviço o seu grupo, Zacarias estava servindo como sacerdote diante de Deus.

Ele foi escolhido por sorteio, de acordo com o costume do sacerdócio, para entrar no santuário do Senhor e oferecer incenso.

Chegando a hora de oferecer incenso, o povo todo estava orando do lado de fora.
Então um anjo do Senhor apareceu a Zacarias, à direita do altar do incenso. Quando Zacarias o viu, perturbou-se e foi dominado pelo medo.

Mas o anjo lhe disse: "Não tenha medo, Zacarias; sua oração foi ouvida. Isabel, sua mulher, lhe dará um filho, e você lhe dará o nome de João.

Ele será motivo de prazer e de alegria para você, e muitos se alegrarão por causa do nascimento dele,
pois será grande aos olhos do Senhor. Ele nunca tomará vinho nem bebida fermentada, e será cheio do Espírito Santo desde antes do seu nascimento.

Fará retornar muitos dentre o povo de Israel ao Senhor, o seu Deus.
E irá adiante do Senhor, no espírito e no poder de Elias, para fazer voltar o coração dos pais a seus filhos e os desobedientes à sabedoria dos justos, para deixar um povo preparado para o Senhor". Lucas 5.1-17.
“Quando se completou seu período de serviço, ele voltou para casa. Depois disso, Isabel, sua mulher, engravidou e durante cinco meses não saiu de casa. E ela dizia: "Isto é obra do Senhor fez! Agora ele olhou para mim com favor, para desfazer a minha humilhação perante o povo.“
Lucas 1:23-25


Independente da circunstância que você esteja vivendo continue fazendo o que é certo. Sempre digo para as moças da igreja não se casarem com qualquer pessoa e que quando forem pedidas em namoro, a primeira coisa que façam é perguntar ao rapaz é se ele é dizimista e ofertante. Porque se ele for dizimista e ofertante, eles terão um casamento abençoado financeiramente. A consequência da obediência é a bênção.
O casal do texto acima era um casal que servia ao Senhor, eles faziam tudo que era certo, diante dos céus eram um casal irrepreensível e também diante do povo. Mas na vida deles tinha um vírgula, um porém, um más... Isabel era estéril!

Quem sabe as pessoas falam muito bem de você, te admiram, mas não sabem que falta alguma coisa na sua vida? Seja o que for que você esteja precisando, ou que esteja faltando na sua vida, Deus realizará o milagre!
Não murmure jamais! O caminho da murmuração nos faz voltar para trás. Adore! A adoração nos leva a receber vitória. Deus vai colorir a sua vida, a sua história, Ele vai virar o seu cativeiro.

Meu pai estava com câncer e há dois meses se encontrava bem debilitado, mas fiz uma oração e disse: "Senhor, sei que restaurarás a saúde do teu servo." Quando voltei a casa dele depois de um mês,estava tão  bem e mais bonito! Achei estranho e meu pai disse: “Filha, o anjo do Senhor esteve aqui!” Um mendigo bateu na porta dele e pediu um copo de água, meu pai falou a minha mãe para lhe dar um copo de coca-cola gelada... para resumir a história, aquele homem não era um mendigo, meu pai o convidou para entrar e ele orou por ele impondo as mãos e meu pai foi curado. Depois aquele homem foi embora e desapareceu na rua.

Endenda o princípio: Faça tudo que é certo e faça sempre o melhor pra Deus!
A vida de Zacarias era cinza, mas ele orava pelo povo e o milagre aconteceu na vida dele. Quando ele viu o anjo se assustou, e o anjo disse a Zacarias que o milagre dele se chamaria João, porque milagre tem nome!
Zacarias olhou para a sua circunstância e chegou a duvidar, ele e sua esposa já estavam velhos e Isabel era estéril, mas a matemática de Deus é diferente da nossa!

Isabel engravidou e ficou 5 meses em casa glorificando a Deus! Irmão, não sei o que você está passando, mas não olhe para a circunstância, glorifique ao Senhor!

Pra. Enóide Mello
Edição: Renata G. Santana

quinta-feira, 21 de junho de 2012

Integridade e fidelidade à toda prova!


Muitos homens, se pudessem, não morreriam sem primeiro corrigir muitas coisas das quais se arrependem. Outros decidiriam viver para as coisas que realmente têm valor.

Esta mensagem é um chamado à todo homem que quer viver corajosamente para Deus e sua família.

Quero desafiar você a tornar-se o homem que Deus o criou pra ser, a perseguiu o ironclad caráter que Deus deseja desenvolver em sua vida.

Não quero saber quais foram os erros que você cometeu. Deus não tem problemas com seus erros ou pecados. 

A família, o mundo, precisa de homens que sejam homens; que decidam de uma vez por todas entregar a vida a Deus, que se dediquem a ser maridos e pais de verdade, que parem de buscar vitórias passageiras, mas que busquem uma vida de sucesso a longo prazo, constante.

Um tipo de homem que rompe com as cadeias do passado, que merece o amor e confiança da esposa, que conquista o coração e o respeito dos filhos, e deixa um legado muito maior do que seu pai deixou para ele.

Um homem que sabe o que quer, que sabe exatamente para onde está indo, e está disposto a fazer qualquer coisa para ser melhor, chegar lá, e mudar a história da sua família; que caminha reto, sempre para frente, sem vacilar para uma vida marcada por fidelidade e integridade à toda prova.



Pr. Silmar Coelho

O Pr. Silmar Coelho é casado com Janice Coelho e é pai de Tiago, Filipe, Lucas e Cristine. Doutor em liderança pela Universidade Oral Roberts, Tulsa/ USA. Escreveu vários Best-Sellers. É escritor premiado, músico, compositor e pastor há mais de 39 anos.

www.silmarcoelho.com.br
Twitter: @silmarcoelho
Facebook: pastorsilmar 



Neste mundo, somente os vitoriosos são aclamados. Ninguém dá uma única chance ao pobre, ao desconhecido ou ao fracasso. Porém existe alguém que veio salvar o perdido. Ele faz forte o cansado, faz o ultimo, primeiro, faz o que nada tem possuir e faz o pobre enriquecer a muitos. Ele levanta do monturo o desviado. Restaura o abatido e faz vencedor o derrotado. Com ele, os homens comuns são cheios de honra.



Você pode adquirir este e outros produtos pelo site: www.lojaasas.com

terça-feira, 19 de junho de 2012

Você quer mudar a sua história? Faça diferente, tome uma decisão!


“E ao tempo em que este o apertou, então ainda mais transgrediu contra o SENHOR, tal era o rei Acaz.
Porque sacrificou aos deuses de Damasco, que o feriram e disse: Visto que os deuses dos reis da Síria os ajudam, eu lhes sacrificarei, para que me ajudem a mim. Porém eles foram a sua ruína, e de todo o Israel.
E ajuntou Acaz os utensílios da casa de Deus, e fez em pedaços os utensílios da casa de Deus, e fechou as portas da casa do SENHOR, e fez para si altares em todos os cantos de Jerusalém.
Também em cada cidade de Judá fez altos para queimar incenso a outros deuses; assim provocou à ira o SENHOR Deus de seus pais. Ora, o restante dos seus atos e de todos os seus caminhos, tanto os primeiros como os últimos, eis que estão escritos no livro dos reis de Judá e de Israel.
E dormiu Acaz com seus pais, e o sepultaram na cidade, em Jerusalém; porém não o puseram nos sepulcros dos reis de Israel; e Ezequias, seu filho, reinou em seu lugar.
  2 Crônicas 28:22-27

Pensa num indivíduo lambão – esse era Acaz e com as suas atitudes erradas, Acaz trouxe  adversidade para o seu reinado. Ele viu humilhação, estrupo, assassinato, crise financeira, espiritual – os problemas para ele vinham aos montes. Então ele resolveu adorar o deus dos Sírios. Como nada de ruim dura para sempre, assim como nada de bom também,  Acaz morreu e o reino passou adiante.

O reino estava sem dinheiro, sem exército, sem auto-estima, o povo só apanhava, estava sem espiritualidade e quem herdou o trono foi um garoto de 25 anos – Ezequias.

Podemos aprender algumas lições com Ezequias:

- Só herdamos a  herança se quisermos

Ezequias cresceu num ambiente de derrota e poderia ter se tornado um produto do meio, mas ele escolheu tomar um rumo diferente do que seu pai trilhou.  A vitória e a derrota estão em nossas mãos porque no que depender de Deus nós já somos vitoriosos. A decisão de nos dar a vitória não está nas mãos de Deus, está nas nossas decisões. Se tudo está dando errado na sua vida mude as suas atitudes.

“Agora me tem vindo ao coração, que façamos uma aliança com o SENHOR Deus de Israel, para que se desvie de nós o ardor da sua ira.” 2 Crônicas 29:10

Ezequias estava decidido em mudar a sua história

O dia de mudar é hoje, existem pessoas procrastinando decisões importantes. Quando estamos vivendo crises a demanda é imensa. Ezequias tinha que restaurar o exército, a auto-estima do povo, as finanças, etc.
As demandas crescem para roubar a nossa atenção. Estamos tão envolvidos nas necessidades que não conseguimos compreender o meio de mudar a situação. Não sei qual é a sua demanda, mas quero dizer uma coisa, leve  Deus para a sua vida, porque os nossos problemas são resolvidos por Ele.

Ezequias purificou o templo

No primeiro mês do reinado de Ezequias ele escancarou as portas do templo e mandou fazer uma limpeza, tirarando do santuário toda a imundícia. Por quê? Porque Deus não divide a Sua glória com ninguém. Quer ver Deus agindo na sua vida? Tire toda a sujeira que separa você d’Ele.
Não encarar o problema é que nem usar cartão de crédito, é divertido na hora de gastar, mas uma hora a fatura chega. Você não pode impedir que coisas ruins invadam a sua mente, mas você pode impedir que elas morem ali.

Ezequias restituiu e celebrou a páscoa

Grave nas suas memórias o que Deus já fez por você, porque quando você enfrentar o inimigo lá na frente, você vencerá. Liste na sua memória o que o Senhor já fez por você.

Ezequias pediu oferta

Dinheiro quando sai do seu bolso pode ser dinheiro, mas quando entra na salva vira semente. A oferta tem que ser dada com alegria!

Um dia a adversidade chegou na vida de Ezequias

“Depois destas coisas e destes atos de fidelidade, veio Senaqueribe, rei da Assíria e, entrando em Judá, acampou-se contra as cidades fortes, a fim de apoderar-se delas.
2 Crônicas 32:1

O exército assírio era poderosíssimo e nenhuma nação conseguiu resistir o seu exército. Senaqueribe enviou uma carta atrevida para Ezequias e o Rei Ezequias disse ao povo: “Sede corajosos, e tende bom ânimo; não temais, nem vos espanteis, por causa do rei da Assíria, nem por causa de toda a multidão que está com ele, pois há conosco um maior do que o que está com ele.Com ele está um braço de carne, mas conosco o Senhor nosso Deus, para nos ajudar e para guerrear por nós. E o povo descansou nas palavras de Ezequias, rei de Judá.” 
2 Crônicas 32:7 e 8.

Quando a situação ficar ruim, chame gente boa para ficar perto de você

“Mas o rei Ezequias e o profeta Isaías, filho de Amoz, oraram por causa disso, e clamaram ao céu.2 Crônicas 32:20

“Bem aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios... “ Sl 1

Diante da afronta, da ameaça, Ezequias e Isaias oraram e Deus enviou um anjo que deu conta do recado – “Então o Senhor enviou um anjo que destruiu no arraial do rei da Assíria todos os guerreiros valentes, e os príncipes, e os chefes. Ele, pois, envergonhado voltou para a sua terra; e, quando entrou na casa de seu deus, alguns dos seus próprios filhos o mataram ali à espada.” 
2 Crônicas 32:21

Qual é o seu problema? A Bíblia diz que Deus dará ordem aos seus anjos a seu respeito! O anjo matou todos os valentes – não matou os covardes, matou os valentes. Isso foi um marketing tremendo, quem era covarde no meio dos assírios, ficou mais covarde ainda.

Depois destas coisas todas os reis das nações vieram trazer presentes para  Ezequias. O Senhor mudou a história de Ezequias, sabe  porquê? Porque ele decidiu  tomar atitudes diferentes que seu pai tomou.

Você pode ter gostado  muito de uma ministração, de algo que Deus usou alguém para te  falar, mas se você não fizer nada a respeito, não valerá de nada.
Tome uma atitude!

Pr. Claudio Duarte
Edição: Renata G. Santana

segunda-feira, 18 de junho de 2012

Construa a sua Credibilidade...


A credibilidade pessoal é tão importante que sua personalidade, sua aparência e a opinião dos seus clientes e ex-clientes, podem fazer ou destruir uma venda. Uma deficiência em qualquer uma dessas três áreas pode ser o bastante para você deixar de fechar um negócio.


1. Caráter: os clientes podem satisfazer o desejo de comer doce com um chiclete dietético em um dia e com um pote de sorvete em outro. É exatamente a mesma pessoa, mas, dependendo da situação, se comporta de forma diferente. A necessidade de cada cliente pode mudar a cada dia. Esse é um exemplo básico de mudança de necessidades, mas e quando estamos na frente de um cliente que não leva muito em conta os aspectos morais, qual a minha atitude referente a esses aspectos:


• Tomo decisões com base no que é certo ou no que poderá “facilitar” a venda?
• Mudo minha personalidade, meu discurso ou minhas atitudes de acordo com o gosto dos clientes só para levar vantagem diante dos meus concorrentes?


O caráter de um vendedor é mais importante que a sua competência, pois um lapso de competência pode ser aceito, agora um lapso de caráter causa problemas com extensas consequências. Tenha sempre em mente que é melhor você perder a venda do que perder sua integridade.

2. Aparência: os clientes são muito visuais. Eles procuram pistas na sua aparência para determinar o quanto você é digno de confiança e competente e, através do que veem, julgam a confiabilidade e a capacidade do seu produto e da sua empresa. Uma enorme parte, 95%, da primeira impressão que você causa num cliente é proporcionada pelas roupas. Isso acontece porque as roupas cobrem 95% do corpo. A regra mais simples sobre o vestir-se bem é que nada deve distrair o cliente do seu rosto, da sua pessoa da sua conversa.

3. Opiniões: você já deve ter recebido de seus clientes e-mails de agradecimento pelo esforço extra para atendê-lo; que estão satisfeitos com o produto e pelo excelente atendimento quando o produto esteve em manutenção. Tudo o que você disser ao seu cliente faz parte da sua argumentação verbal. Suas cartas e vídeos têm muito mais credibilidade do que tudo o que você possa dizer, pois as pessoas acreditam mais no que veem do que no que ouvem. Eu tenho utilizado, em todas as propostas que envio aos meus futuros clientes, uma lista de empresas onde já fiz palestra, gráficos de avaliação dos eventos, feedbacks que recebo por e-mail e links de vídeos com depoimentos. Nesses dois últimos casos, faço questão de colocar nome e o cargo, pois quanto maior o cargo, maior o respaldo.

 Prof. Menegatti é palestrante nas áreas de Vendas, Motivação, Liderança e Inovação. Suas palestras têm como foco direcionar pessoas a despertar ao máximo seu potencial profissional e pessoal. É autor de vários livros e DVDs, entre eles estão o livro "Talento - É fazer coisas comuns de forma extraordinária" e o DVD "Campeão de Vendas". 

Contatos: www.menegatti.srv.br - palestrante@menegatti.srv.br
Siga-nos: Twitter - @profmenegatti  --  Facebook - professormenegatti




... Valores da Vida é um livro cheio de ótimas lições, cujos conceitos podem ser aplicados em situações desafiadoras do cotidiano. Enquanto estiver lendo essas mensagens tenho certeza que você, freqüentemente, se verá dizendo o seguinte: “Se ele(a) pode, eu também posso!” Esse é o primeiro passo para quem quer se tornar o criador da diferença.


Você pode  adquirir este e outros produtos do Prof. Megatti  pelo site: http://www.menegatti.srv.br

domingo, 17 de junho de 2012

Existe uma 'Ana' clamando por socorro!

“Certa vez quando terminou de comer e beber em Siló, estando o sacerdote Eli sentado numa cadeira junto à entrada do santuário do Senhor, Ana se levantou.” 1 Samuel 1:9

Esse texto começa com um grande milagre, Ana era estéril e não podia ter filhos, mas ela creu no Deus do impossível, que respondeu a sua petição e lhe concedeu um filho – Samuel, o filho da promessa.

A Bíblia chega a dizer que algumas pessoas olhavam para a Ana e acreditavam que ela nunca alcançaria a sua bênção. Mas aqueles que pensavam assim tiveram que engolir a seco quando viram Ana segurando seu filho nos braços.

Ana entregou Samuel para servir no Templo o sacerdote Eli – Aquilo que você entrega a Deus é transformado em milagre. Samuel se tornou o um dos maiores profetas de Israel.

Mas quero abordar uma atitude que o sacerdote Eli teve que não devemos ter.  A Bíblia conta que Eli estava sentando numa cadeira junto à entrada do templo de Deus.

Não basta irmos a igreja e nos assentarmos no banco da igreja. Muitos acreditam que o fato de irem à igreja já resolverá seus problemas, quando na verdade é preciso ter o coração no altar do Senhor, é preciso ter comprometimento.

Não basta ser filho do pastor, ser filho da irmã do círculo de oração, temos que ter o coração no altar do Senhor.

Ana entrou na igreja precisando tanto de ouvir uma palavra, de receber um abraço, mas Eli continuou assentando no banco.

Sempre haverá uma ‘Ana’ bem perto de você. Deus não te chamou para ficar vendo as lágrimas de ‘Ana’, mas para consolá-la.

Sempre haverá uma ‘Ana’ na fila do banco, na padaria, assentada ao seu lado no banco do ônibus, esperando que você dê uma palavra que conforte o seu coração.

Se você está perto de uma ‘Ana’ que está chorando, não fique observando, faça alguma coisa! Deus não te chamou para ver o que vai acontecer, Deus te chamou para fazer acontecer.

Nunca deixe uma ‘Ana’ sair do seu caminho sem ouvir a Palavra de Deus. Eli não se envolveu com o problema de Ana.

Não fique sentado achando que é obrigação do pastor falar de Jesus para o necessitado, para o aflito. Se Deus colocou uma ‘Ana’ no seu caminho, fale do amor de Deus.

Eli ao ver Ana chorando, pensou que ela estivesse bêbada. Para quem está sentando no banco é muito fácil julgar, criticar. 

Deus colocará muitas ‘Anas’ no seu caminho, cabe a você não ficar assentado assistindo a dor do próximo e sim tomar uma posição, fazer alguma coisa, se comover e abrir a sua boca para trazer uma palavra de ânimo, de vida!

Pr. Wanderley Carceliano
Edição: Renata G. Santana

Vai ter 'bolo' no meio do deserto!


“Então veio a ele a palavra do SENHOR, dizendo: Levanta-te, e vai para Sarepta, que é de Sidom, e habita ali; eis que eu ordenei ali a uma mulher viúva que te sustente.
Então ele se levantou, e foi a Sarepta; e, chegando à porta da cidade, eis que estava ali uma mulher viúva apanhando lenha; e ele a chamou, e lhe disse: Traze-me, peço-te, num vaso um pouco de água que beba.E, indo ela a trazê-la, ele a chamou e lhe disse: Traze-me agora também um bocado de pão na tua mão. Porém ela disse: Vive o SENHOR teu Deus, que nem um bolo tenho, senão somente um punhado de farinha numa panela, e um pouco de azeite numa botija; e vês aqui apanhei dois cavacos, e vou prepará-lo para mim e para o meu filho, para que o comamos, e morramos.
E Elias lhe disse: Não temas; vai, faze conforme à tua palavra; porém faze dele primeiro para mim um bolo pequeno, e traze-mo aqui; depois farás para ti e para teu filho.
Porque assim diz o SENHOR Deus de Israel: A farinha da panela não se acabará, e o azeite da botija não faltará até ao dia em que o SENHOR dê chuva sobre a terra.” 1 Reis 17:8-14
.
Deus levantou em Israel muitos profetas que marcaram a história. Jeremias, Ezequiel e Isaias foram alguns deles, porém quando olho para  a Bíblia acredito que não há um profeta que tenha vivenciado mais o sobrenatural de Deus que o profeta Elias.

Ele tinha uma comunhão sobrenatural com Deus, a intimidade dele com o Senhor era tão grande que no dia que Deus resolveu levá-lo para o céu o buscou numa carruagem de fogo.

Deus  usou  Elias para trazer uma palavra que não era fácil de entregar, Israel viveria tempo de escassez, tempo de fome, tempo de prova e nesse tempo Elias recebeu de Deus cuidado exclusivo. Na beira do Queirit ele bebeu da água do ribeiro e foi  alimentado pelo corvo que lhe trazia comida.

1º) Deus cuidou de Elias através do corvo
A Bíblia diz que quando dava a hora de Elias alimentar-se o corvo via com o alimento
2º) Deus cuidou de Elias através da viúva de Serepta
3º) Deus cuidou de Elias através do anjo
Foram três as etapas que Elias teve que passar, o problema é que muitas vezes queremos pular as etapas e sermos alimentados pelo anjo direto. 

Em dado momento as águas do ribeiro se secaram e Deus começou a falar com Elias para mudar de endereço, porque quando o Senhor permite que as águas se sequem é porque ele vai levá-lo para um novo tempo, nova graça, novo refúgio. Quando Deus permite a tempestade se levantar não é para te matar, mas para jogar você pra  frente.

“Vá para Serepta Elias porque Eu já...”

Está na prova? Não se preocupe porque Deus já  providenciou o escape. A mão de Deus já está sobre a sua cabeça e as portas vão se abrir, ainda que pareça impossível, porque o Senhor já tomou providência.

A primeira vista parece que Elias saiu da luta para entrar na tempestade, porque agora Deus diz que ele seria sustentado por uma mulher. Se hoje as mulheres muitas vezes são descriminadas, imagine naquela época e naquele contexto.

As coisas não tem que acontecer do nosso jeito, mas do jeito de Deus. O socorro vem da maneira que não imaginamos.

Elias pode ter pensado que estava indo para a casa de uma mulher rica, mas ele estava indo para a casa da mulher mais pobre de Sidom.

Elias chegou na casa daquela mulher sedento e pediu uma das coisas mais  preciosas  naqueles dias – água.  Talvez a viúva tenha ficado até aliviada porque ele não pediu comida, acontece que Elias não fugiu à regra. Crente come e come muito.  E Elias pediu o pão!

Aquela mulher obedeceu e vai preparar o pão para Elias. Acredito que no mundo espiritual algo sobrenatural aconteceu e Deus mandou que o trigo começasse a nascer dentro da panela e olhou para o azeite e ordenou que começasse a verter azeite pelas paredes da botija e a botija foi enchendo, enchendo.

O Deus que servimos é o Deus da multiplicação e do milagre! Confio nesse Deus que pode multiplicar o pouco que está na nossa mão.

Você pode não ter de onde tirar o recurso, mas o celeiro de Deus está cheio e lá tem providência de Deus para a sua vida.

A viúva de Serepta preparava-se para comer a comida da morte – há pessoas comendo a refeição da morte. Quando Elias chegou a casa dela, ela falava de morte.

Pense comigo: num aniversário tem bolo, num casamento tem bolo, onde tem festa tem bolo –  aquela mulher falava de morte e o que Elias pediu para que ela fizesse? Um bolo – porque ela não iria morrer, iria participar de uma festa!!!

Talvez você esteja pensando que não tem jeito pra você, que não há como sanar as suas dívidas, que o seu casamento não tem mais jeito, mas  Deus diz pra você que vai ter bolo, vai ter festa!

Só tem festa se tem bolo e é Deus quem dá o ingrediente da  festa, é Ele quem dá a felicidade! Você não vai morrer neste deserto, porque o Senhor já providenciou a provisão, o milagre para a sua vida!

Pr. Wanderley Carceliano
Edição: Renata G. Santana


sexta-feira, 15 de junho de 2012

Princípios do Reino para a felicidade familiar


Um relacionamento que dá certo é um edifício que deve ser construído todos os dias.

Aquele que age motivado por ira, mentira, amargura, irritabilidade ou infidelidade, nunca é feliz.

É a confiança que alicerça o amor, não a suspeita. É a verdade que promove a confiança, não a mentira.
É o perdão que traz reconciliação, não a teimosia. É a sensibilidade que permite o diálogo, não o melindre.
É a fidelidade que garante que o relacionamento vai durar até à morte, não a traição.

Esquecer estas verdades é um convite ao desastre. Mude suas atitudes ou viva com as consequências.
Ninguém tem o  direito de consumir   felicidade sem produzi-la ou de receber sem dar. 


Alguns respiram, mas estão mortos. Tudo recebem, mas nada dão. Têm tudo, mas nada têm. 
Apesar de amados, são incapazes de amar.

Deus quer que a família seja:
Vitoriosa, não a vítima;
Desenvolva-se, não que se deteriore;
Solidifique-se, não que acabe;
Seja bem sucedida, não fracasse.

A família é construída por milhares de complexas atitudes. Mas pode ser perdida por um só simples ato.


Pr. Silmar Coelho

O Pr. Silmar Coelho é casado com Janice Coelho e é pai de Tiago, Filipe, Lucas e Cristine. Doutor em liderança pela Universidade Oral Roberts, Tulsa/ USA. Escreveu vários Best-Sellers. É escritor premiado, músico, compositor e pastor há mais de 39 anos.


www.silmarcoelho.com.br
Twitter: @silmarcoelho
Facebook: pastorsilmar




Você pode adquirir este e outros produtos do Pr. Silmar Coelho através do site: www.lojaasas.com